Caligrafia – início das filmagens

2015 começou com muito trabalho para o grupo. Depois de uma série de ensaios, iniciamos o ano com as filmagens do curta-metragem Caligrafia, o quarto filme do cinehibisco. João e Luciana estão em crise, ela decide largá-lo, João, então, vai tentar reconquistar sua namorada lhe enviando cartas escritas a mão. Uma produção do grupo Cinehibisco, com roteiro de Gustavo Cardoso, direção de Ana Rodrigues, operação de câmera de Billy Valdez, direção de fotografia de Gustavo Türck, direção de atores de Eliana Mara Chiossi, operação de áudio de Marcelo Cougo e elenco com Gustavo Cardoso, Têmis Nicolaidis e Eliana Mara Chiossi. A previsão de lançamento é ainda para o primeiro semestre de 2015. Veja algumas fotos de bastidores.

Ciça não está mais aqui – Lançamento hoje no Cine Bodoqe

Assista ao trailer

Sessão Bodoqe
No Comitê Latino Americano – Vieira de Castro, 133 – a partir das 19h

Ciça não está mais aqui – 11 min/2013
Ciça ainda lembra quem ela é. E depois da janela?

Bicicletas de Nhanderú – Brasil-45 min/2010
Uma imersão no cotidiano e nas espiritualidade dos Mbyá-Guarani da aldeia Koenju, em São Miguel das Missões, no Rio Grande do Sul.

 

Ciça não está mais aqui

O exercício era pensar um roteiro para ser filmado em uma noite no ambiente da Catarse. A proposta que a Ana trouxe chamou atenção já de cara pelo título. E foi o que fizemos…num dia discutimos o roteiro, no outro a filmagem. Agora, segue a edição!

CIÇA NÃO ESTÁ MAIS AQUI

Elenco
Ana Rodrigues
Gustavo Cardoso
Têmis Nicolaidis

Roteiro
Ana Rodrigues

Direção, luz, figurino e cenografia
Ana Rodrigues
Everson Silva
Gustavo Cardoso
Têmis Nicolaidis

Som direto
Eliana Mara Chiossi

Câmera
Everson Silva
Têmis Nicolaidis

Edição
Alexandre Guterres
Ana Rodrigues
Everson Silva
Têmis Nicolaidis

Finalização
Têmis Nicolaidis

Edição de som
Gustavo Türck

Trilha Sonora
Be Mine
(Alabama Shakes)

Darklands
(The Jesus & Mary Chain)

Realização
Coletivo Catarse
Cinehibisco

Greyce


Greyce é uma menina que trabalha em um supermercado de Porto Alegre. Greyce está pensando em sua vida, naquilo que faz todos os dias. Sonha, acorda e vai trabalhar. O que significa tudo isso? Greyce está prestes a entender que pequenos encontros podem despertar sentimentos latentes. 

Um curta-metragem produzido pelo Coletivo Catarse, como projeto do Ponto de Cultura Ventre Livre e em parceria com o Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo e um grupo de atores de teatro – que hoje desenvolve com o Coletivo um trabalho de estudo e produção em cinema/linguagem audiovisual.

Para ver o ensaio fotográfico dos bastidores CLIQUE AQUI !