Longas-metragens

HIBISCO
Argumento e roteiro: Gustavo Türck e Têmis Nicolaidis
Direção: Gustavo Türck
Situação: captação de recursos

Estamos em Porto Alegre, ano 2013. Uma cidade grande onde os valores tradicionais cristãos de uma cidade do interior estão presentes em todas as relações. Uma metrópole de um país emergente, em que o dinheiro parece circular mais, principalmente nas mãos de uma classe média, branca, que vislumbra uma ascensão social no acúmulo de bens materiais. A cultura é ditada pelos modismos, pelas repetições de jargões de novelas ou de outros programetes de televisão que se espalham por todos os veículos possíveis, deixando sempre todos envolvidos de uma maneira ou de outra em seus acontecimentos fictícios – mas levados tão a sério por parte das pessoas que consomem essas histórias. Os rádios na cidade estão sempre ligados, se não nas músicas do jabaculê, nas poucas emissoras de notícias, que decretam seguidamente a verdade e exploram seu ponto-de-vista praticamente obrigando o ouvinte a aceitar sempre a opinião já fechada. É uma realidade normal, de um grande centro urbano, capital de um estado de um país como o Brasil – rico economicamente e culturalmente, mas pobre na disseminação das informações e em sua indústria cultural. Mas o momento é de ebulição político-social, manifestações explodem, o que faz com que exatamente todos esses valores sejam colocados à prova e em choque com a realidade expressa nas ruas. Jorge, Raíssa, Clarice e Gabriel se acham diferentes, estão ali, mas foram forjados nessa mesma sociedade e, por isso, refletem ela na maneira como encaram a vida. Estariam imóveis, acomodados, quase dormentes? Eles vivem o momento social intensamente, cada um a sua maneira. É nesse contexto que os acontecimentos da vida mexerão profundamente com os caminhos dos 4, fazendo com que sejam obrigados a saírem de suas imobilidades.

ENQUANTO A LUZ NÃO CHEGA
Argumento: Cinehibisco – livremente inspirado na obra de Josué Guimarães, Enquanto a noite não chega
Direção: Gustavo Türck
Situação: elaboração de roteiro

Um casal jovem, morador de uma cidade grande, envolvidos cada um em sua própria teia de relações em suas redes sociais, que já não se fala, não se toca. É quando a queda da luz e a chegada do eletricista chacoalham suas vidas, e eles passam a redescobrir sensações que há muito já haviam sido esquecidas – como a satisfação de se fazer um pão no forno da própria casa. E quando a luz retornar?

A AUSÊNCIA DE HELENA
Argumento e direção: Têmis Nicolaidis
Situação: elaboração de roteiro

Helena abandona seu lar, deixando a comodidade de uma vida estável, marido e filha, o que provoca uma mudança profunda na sua família. O seu marido, Rafael, passa a ser o centro da trama e precisa se reinventar para lidar com as questões práticas do dia-a-dia, isso o faz repensar a própria existência.